Qual o melhor meio de pagamento para e-commerce?

Qual o melhor meio de pagamento para e-commerce?

A tecnologia e os novos comportamentos impulsionados pela pandemia levaram o e-commerce a sofrer um boom em 2020. Logo, as empresas precisaram investir em espaço digital para alcançar clientes e aumentar lucros.

No mercado do e-commerce brasileiro, houve um aumento de 56,8% em 2020, comparado aos primeiros oito meses de 2019, de acordo com o Movimento Compre&Confie. Dados do site mostram que o valor em transações nos primeiros meses de 2020 cresceu de 63,4 bilhões para 105,6 bilhões, um crescimento de 65,7% em vendas.

Portanto, você precisa mais do que nunca estar lá, mas é preciso saber qual o melhor meio de pagamento para e-commerce para não deixar a desejar.

Por que você precisa estar no e-commerce

No e-commerce, você tem infinitas possibilidades de tornar seu empreendimento um sucesso de vendas. Elencamos, a seguir, alguns benefícios que você está perdendo se ainda não investiu em alguma plataforma virtual de vendas.

#1 Expansão de clientes

O alcance de clientes que você atingirá possuindo uma loja virtual além da loja física é muito maior. Sem contar que, com isso, você terá a oportunidade de alcançar um público mais variado.

O encalce de uma loja física alcança apenas o lugar em que ela está, mas uma loja virtual tem o poder de alcançar o país inteiro. Seu público se expandirá, seu mercado se tornará mais conhecido e suas vendas crescerão junto.

#2 A praticidade da compra on-line

O e-commerce também facilita a vida das pessoas quando elas podem fazer suas compras no conforto de casa. Com alguns cliques, o cliente escolhe o que deseja, faz o pagamento na hora e consegue o produto desejado sem estresse.

Também facilita a vida do empreendedor, porque é fácil de administrar e rende um lucro considerável para o negócio. E isso não requer um grande investimento, apenas custos de manutenção do site e de estoque de produtos.

#3 A loja não fecha

Mais uma grande vantagem do e-commerce é não possuir horário de funcionamento, logo elas estão disponíveis 24 horas para os clientes durante todos os dias da semana.

Seu site estando no ar, sua loja estará de portas abertas.

Pàra ler também: Qual a diferença entre e-commerce e loja virtual?

Qual o melhor meio de pagamento para e-commerce?

A forma de pagamento disponível é essencial na tomada de decisão do cliente. Portanto, todas as alternativas de pagamento devem ser levadas em consideração para não perder o cliente e as vendas. As mais comuns são:

Débito em conta

Funciona com transferência entre contas. Os clientes digitam seus dados bancários e a senha e o banco autoriza a transferência do valor para a loja. É concluída de forma mais rápida e faz o produto ser entregue em menos tempo.

A taxa de transação varia de acordo com o banco, mas gira em torno de R$ 0,50 por operação realizada.

Cartão de crédito

Este é, ainda hoje, o principal meio de pagamento para e-commerce. A maior parte das compras é realizada utilizando o cartão de crédito. O cliente apenas precisa digitar os dados do cartão e, caso haja aprovação do crédito, a compra é concluída.

É a opção favorita de pagamento da maioria dos consumidores e muitos e-commerces já permitem ao cliente deixar seus dados do cartão salvos para facilitar em outra eventual compra no site.

Boleto bancário

Depois do cartão de crédito, o boleto é a segunda forma de pagamento mais escolhida pelo cliente. Ao final da compra, basta imprimir o boleto gerado pelo site após a escolha da compra e pagá-lo utilizando diversos meios.

Como milhares de brasileiros não possuem cartão para realizar compras, o boleto é uma opção indispensável para que os vendedores possam garantir suas vendas.

A taxa de geração de boletos também varia conforme os bancos.

Gateways e Intermediários

Gateways fazem com que as lojas tenham todos as formas de pagamento em um único sistema. O consumidor escolhe como deseja realizar o pagamento, e os sistemas transferem o valor para a conta do vendedor.

É o lojista que define a aprovação das compras e a forma de parcelamento de cada transação.

Já no caso do Intermediadores, o pagamento é recebido por eles quando o cliente realiza a compra. É o sistema que fica responsável pela aprovação da compra e repasse do valor para o e-commerce.

A diferença para o gateway é que os riscos de transação são do sistema contratado, por isso vários lojistas preferem escolher essa opção.

A taxa cobrada pelo gateway se dá por transação efetuada. Já a taxa dos Intermediadores varia de acordo com o valor de cada venda, podendo estar entre 1,9% até 6,9% do valor total.

Pix

A nova sensação do mundo financeiro também não poderia ficar de fora. E o Pix veio para facilitar e muito a vida dos comerciantes e também pode ser uma opção de meio de pagamento para e-commerce.

Na hora de realizar a compra, será possível escolher o Pix entre as formas de pagamento disponíveis no e-commerce. Ele também acelera a conclusão das compras e o pagamento é aprovado instantaneamente, valendo para qualquer dia, inclusive fim de semana ou feriado.

O valor será recebido instantaneamente pelos lojistas, em até 10 segundos. Essa forma rápida de pagamento também agiliza a entrega das compras, uma vez que o valor é debitado na hora.

A taxa de juros do Pix para estabelecimentos comerciais depende de cada banco. Porém, essa taxa ela deve ser bem menor do que a emissão de taxa de um boleto ou as taxas de cartão, até porque o Banco Central colocou como base R$ 0,01 para cada 10 transações.

Descubra qual o melhor meio de pagamento funciona para o seu negócio

Com tantas opões disponíveis de pagamento para o seu e-commerce, fica difícil saber qual deles utilizar. Essa decisão é bastante importante, pois você depende deles para obter sucesso em suas vendas.

Apesar das diferenças, vantagens e desvantagens de cada um, quanto mais formas de pagamento você disponibilizar em sua loja virtual, mais pessoas você atrairá, logo, mais vendas serão realizadas.  

Pesquise o perfil de seus consumidores e analise as taxas de cada forma de pagamento para ter sempre o melhor a oferecer para seus clientes. Tenha sempre mais de uma opção. Quanto mais público você atrair, mais sua empresa crescerá.

Independentemente do melhor meio de pagamento para e-commerce escolhido, é importante saber que todos eles são conciliáveis, ou seja, as vendas podem ser conferidas e auditadas para se ter a certeza de que o negócio está recebendo por tudo que está vendendo.

Para isso, é preciso investir em uma plataforma automatizada de conciliação financeira capaz de fornecedor informações acertadas e auxiliar na gestão financeira como um todo.

E por falar em conciliação, o Pix chegou agora, mas já pode ser conciliado pelas empresas. Descubra como lendo o e-book “Pix: tudo o que você precisa saber”.

Pix

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *