Você sabe quais os benefícios de um software em nuvem?

Software em nuvem: você sabe quais os benefícios?

Já ouviu falar no conceito de software em nuvem? A transformação digital é notória há muitos anos no varejo. A pandemia de coronavírus e suas consequências para a economia mostraram que, de forma rápida e dramática, essa mudança não é mais uma escolha das empresas. Ela é a nova realidade de vendas e consumo. 

Ou seja, estar fora desse processo de evolução de serviços e tecnologia é conduzir a sua empresa por um caminho sem saída.

Mas não basta escolher qualquer ferramenta digital. É preciso contratar serviços que ofereçam segurança, praticidade e que usem, sobretudo, recursos de cloud computing.

Agora que você já sabe qual caminho seguir, é preciso conhecer os benefícios de um software em nuvem. Leia e saiba as vantagens dessa tecnologia para a gestão de um varejo!

Como funciona o software em nuvem?

O cloud computing (também chamado de armazenamento de dados em nuvem) possibilita o processamento de informações através da Internet. Ou seja, as tecnologias podem ser acessadas por qualquer usuário que esteja conectado à rede mundial de computadores. 

Isso é, particularmente, um grande benefício para empresas que desenvolvem sistemas de gestão, ou ERPs. Afinal, o uso dessas ferramentas, na maioria dos casos, não requer a necessidade da instalação de programas em computadores. 

Em outras palavras, basta que as informações necessárias estejam dentro do software em nuvem, que ele já pode ser utilizado, em um único ecossistema, por gestores e analistas. 

As necessidades de atualização também podem ser executadas à distância. Isso garante a segurança e a integridade de todas as informações armazenadas no software em nuvem. 

Os principais modelos de softwares em nuvem são:

  • Software como serviço (SaaS), 
  • Plataforma como serviço (PaaS),
  • Infraestrutura como serviço (IaaS),
  • Função como serviço (FaaS).

Os diferentes tipos de implementações são:

  • Nuvem pública;
  • Nuvem privada;
  • Nuvem híbrida;
  • Multi Nuvem.

“Nuvens” carregadas trazem chuvas de investimentos

A grande demanda por software em nuvem, tanto de usuários como de empresas, aqueceu o mercado da tecnologia. 

Afinal, as limitações causadas pelo vírus levaram os brasileiros a se protegerem em suas casas. Assim, as compras passaram rapidamente a acontecer, quase exclusivamente, por meios digitais. Esse cenário abriu caminho para o crescimento do mercado de cloud computing no país. 

De acordo com a Associação Brasileira de Empresas de Software (ABES), o mercado de TI no Brasil deve crescer 14,3% em 2022. De acordo com o levantamento, os números são reflexo do crescimento do uso da nuvem no mercado corporativo.

O aumento de acessos e requisições dos usuários e de empresas preveem também o aumento da capacidade de processamento das soluções. Apenas em 2021, o mercado brasileiro de TI cresceu 17,4%, sendo avaliado em US$ 45,7 bilhões.

A necessidade de ampliar os recursos em nuvens não é apenas uma realidade brasileira. A gigante da tecnologia Google está torrando dinheiro para que os serviços ofertados em nuvens sejam atrativos para os clientes. 

Mesmo acumulando o prejuízo de US $14,6 bilhões, o Google segue investindo nessa área por acreditar que ela é o futuro, e os números da empresa não negam isso. Mesmo com um prejuízo bilionário, o faturamento tem crescido e, em 2020, registrou o aumento de 47% em relação ao ano anterior. 

Ou seja, ao seguir essa linha de ação, é apenas uma questão de tempo para os serviços em nuvens ser (mais) uma fonte de lucro para a companhia. 

Ainda há dúvidas de que o software em nuvens é um bom investimento? Leia abaixo as principais vantagens de apostar nessas soluções!

Benefícios de um software em nuvem

1- Acesso rápido e fácil às informações

Já falamos aqui neste texto que as nuvens centralizam informações em único ecossistema por diferentes dispositivos. Assim, as ferramentas conseguem se adaptar às necessidades, podendo os dados do seu negócio serem acessados em qualquer plataforma e local, seja em uma reunião ou congresso de trabalho.

E o melhor, esses dados não ocupam espaço físico em nenhuma máquina da empresa. 

Por não necessitar de armazenamento em discos físicos, o acesso das informações das empresas podem ser realizados remotamente. A maioria desses softwares ainda possibilitam a utilização das ferramentas em múltiplos dispositivos, como tablet, celular e computador. 

Outro grande benefício está na capacidade de entrega dos funcionários. Com informações centralizadas e atualizadas, as equipes passam a ter maior organização nos processos de trabalho da empresa e, naturalmente, passam a ser mais produtivas. 

2- Software em nuvem: maior segurança de dados

Com os dados armazenados em nuvem, os riscos de perder informações deixam de ser um fantasma que assusta sua companhia. Afinal, os riscos são minimizados por diferentes etapas de segurança, que garantem a integridade e a continuidade do fluxo de informações nos softwares.

Esse aspecto é um dos principais pontos de atenção das empresas. Por isso, de acordo com o levantamento da FGV EAESP, os gastos em 2021 com soluções de segurança atingiram 8,7% do orçamento das empresas. Apenas no setor bancário, foram mais de R$30 bilhões.

3- Custo benefício

Apostar em um software em nuvem é focar também na redução de custos. Isso acontece porque a sua empresa não precisa realizar gastos de infraestrutura comprando máquinas ou armazenando fisicamente arquivos, contratos e outros documentos. 

Tudo fica armazenado no sistema online. Assim, o investimento que seria pago em estrutura e profissionais podem ser realocados para outras áreas da empresa que necessitem de atenção.

4- Integrações

Possuir um software em nuvem traz grandes vantagens. Contudo, essa tecnologia precisa “conversar” com os outros serviços utilizados, já que as empresas geralmente fazem aquisições de diferentes ferramentas. Então, a unificação das informações de compras, vendas, estoque e entregas precisam ser centralizadas de forma automática. 

Por isso, é necessário que a solução escolhida possua integrações desenvolvidas que possam auxiliar a outros softwares de forma fluida. 

Essa sincronização garante que, mesmo ao fazer a gestão de múltiplos canais, o fluxo de trabalho da sua empresa permaneça descomplicado e atualizado. 

Integrações com um conciliador de meios de pagamento

Agora você já conhece os benefícios de um software em nuvem e a importância das integrações para a sincronização de informações. Uma integração eficiente é realizada através um conciliador de meios de pagamento

É através dessa troca de informações que a sua empresa pode realizar a conciliação financeira, ao confrontar dados do seu sistema de gestão com as operadores de meios de pagamento e as instituições financeiras.   

Funciona assim: os dados de vendas registrados no seu ERP entram automaticamente no fluxo do sistema de conciliação de cartão, eliminando a necessidade de conferir cada venda individualmente. 

Ao consolidar e conciliar informações automaticamente, resta apenas a necessidade de monitorar as possíveis divergências.

Além disso, isso amplia a produtividade da sua equipe. Afinal, a automação de processos via conciliador de meios de pagamento reduz a quantidade de trabalho de um colaborador e diminui em grande escala a possibilidade de erros.

Agora você já conhece os benefícios de Software em nuvem. Gostou do texto e quer aprofundar mais? Assine nossa newsletter e siga aprendendo mais sobre o mundo da tecnologia financeira!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.